Prece do Natal



Senhor Jesus!…

Recordando-te a vinda, quando te exaltastes na manjedoura por luz nas trevas, vimos pedir-te a bênção.
Revela-nos se muitos de nós trazemos saudade e cansaço, assombro e aflição, quando nos envolves em torrentes de alegria.
Sabes, Senhor, que temos escalado culminâncias… Possuímos cultura e riqueza, tesouro e palácios, máquinas que estudam as constelações e engenhos que voam no Espaço! Falamos de ti – de ti que volveste dos continentes celestes, em socorro dos que choram na poeira do mundo, no tope dos altos edifícios em que amontoamos reconforto, sem coragem de estender os braços aos companheiros que recolhias no chão…
Destacamos a excelência de teus ensinos, agarrados ao supérfluo, esquecidos de que não guardaste uma pedra em que repousar a cabeça; e, ainda agora, quando te comemoramos o natalício, louvamos-te o nome, em torno da mesa farta, trancando inconscientemente as portas do coração aos que se arrastam na rua!
Nunca tivemos, como agora, tanta abastança e tanta penúria, tanta inteligência e tanta discórdia! Tanto contraste doloroso, Mestre, tão-só por olvidarmos que ninguém é feliz sem a felicidade dos outros… Desprezamos a sinceridade e caímos na ilusão, estamos ricos de ciência e pobres de amor. É por isso que, em te lembrando a humildade, nós te rogamos para que nos perdoes e ames ainda… Se algo te podemos suplicar além disso, desculpa o nada que te ofertamos, em troca do tudo que nos dás e faze-nos mais simples!…
Enquanto o Natal se renova, restaurando-nos a esperança, derrama o bálsamo de tua bondade sobre as nossas preces, e deixa, Senhor, que venhamos a ouvir de novo, entre as lágrimas de júbilo que nos vertem da alma, a sublime canção com que os Céus te glorificam o berço de palha, ao clarão das estrelas:

– Glória a Deus nas alturas, paz na Terra, boa vontade para com os homens!

Autor: Emmanuel
Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Livro: Antologia Mediúnica de Natal

O encontro das Almas Gêmeas

 


“O amor de almas gêmeas é inesgotável, não diminui à medida que o relacionamento continua, aumenta cada vez mais. Não existe namorado, amante ou amado, muito menos divisões, desuniões.

 

O encontro das Almas Gêmeas é muito significativo e pessoal, pois acontece ao mesmo tempo, no plano terreno e no plano astral. A primeira certeza de que se trata de um encontro de almas gêmeas é o olhar. Outro critério importante que deve ser levado em consideração é a ocorrência dos “acasos” para que o encontro seja concretizado.

O que deu errado? Onde e em qual circunstancias se conheceram?

O amor das almas gêmeas é um amor genuíno, a pessoa ama a outra exatamente como ela é, e de forma alguma procura modelá-la segundo sua própria imagem, ou de acordo com o que gostaria de encontrar em alguém. Ela apenas tenta auxiliar a sua outra metade a alcançar o que há de melhor e mais elevado em sua personalidade.

Lembre-se, vocês se escolheram antes de viverem suas vidas, exatamente da forma que são. Não há beleza exterior maior do que a beleza da alma.


O relacionamento de almas gêmeas não mantém registros dos erros que acontecem, dá sempre o primeiro passo para a reconciliação rápida, mesmo não tendo certeza de qual resposta irá obter. A alma gêmea é generosa e não se importa em dar mais do que recebe, um sempre estará mais evoluído que o outro.

O encontro das Almas, nem sempre é despido de conflitos, na maioria das vezes a união acontece quando uma das duas ou mesmo as duas partes, estão passando por momentos difíceis, imprevisíveis, ou até quando estão mais enfraquecidas, sem perspectivas na vida, sofridas, uma acaba por atrair a outra, pois quando estamos enfrentando problemas, elevamos nossos pensamentos a esferas espirituais, o que facilita um contato mais direto com Deus e também com a sua alma gêmea. Só que este encontro final pode acontecer depois de muitas vidas, depois de seguidos desencontros, mas com certeza um dia irá acontecer.

Desta forma as duas partes da esfera acabarão por se unir novamente para formar o todo inicial.


Todos devem compreender que nem sempre as almas gêmeas possuem a mesma idade cronológica, muito pelo contrário. Por isso, o encontro por vezes é desfeito por uma das partes. As almas sempre terão diferença de idade, que podem variar até 30 ou mais anos.

Por muitas vezes, você poderá estar em um relacionamento ou casamento, e encontrar sua alma gêmea fora, e, abdicando de viver o que já foi escrito, a felicidade jamais será completa.

Na doutrina Espírita, as almas se completam de tal forma, que, quando distantes por um período curto ou longo, chegam a adoecer, e podem vir a enfraquec
er, pois uma é a fonte de energia e força da outra. Uma precisa da outra para sobreviver.  


O reconhecimento das almas é instantâneo, porém, no principio sempre haverá uma mais evoluída que a outra para aceitar esse encontro.

Quando duas Almas Gêmeas se encontram, a vida de ambas muda velozmente. As coisas começam a fluir de tal forma, como nunca imaginado, isso é o magnetismo que uma passa para a outra, é a transformação de duas almas em uma, pois foram feitas para viverem juntas. Uma vez que se transformarem em um, o que ocorre quando ambas chegam ao mesmo nível de reconhecimento que foram criadas uma para a outra, a vida se transforma e a energia e o brilho que emanam chegam a ofuscar tanto, que isso causará a “atração” de pessoas erradas, querendo obter este mesmo brilho! Mas não será possível, pois temos apenas uma alma. As Almas Gêmeas, terão que ter discernimento suficiente para afastar os que querem, inconscientemente, roubar este brilho, esta luz. Afastando todos com segundas intenções de seus caminhos. Poderá ocorrer traições, mas essas, doerão indescritivelmente a alma que o fizer, com arrependimento inimaginável por ferir o ser que foi criado para você. Por isso, a prevenção é a melhor escolha.

O encontro de Almas é o que o todos buscam, por esta, e por muitas vidas, porem, muitos não encontram, e com isso não conhecem a felicidade plena.

Quando o encontro acontece, ambos saberão, mas, pode ocorrer, de um não querer assumir e reconhecer o outro por algum tempo, surgirão duvidas e medo. Isso poderá causar grandes perdas, e atrapalhar, tanto no plano físico, como no plano espiritual, pois foram criadas para passarem pela vida juntas.

 

Uma vez assumidas, em suas vidas e corações, as Almas terão felicidade e sucessos inimagináveis.

Todo o plano espiritual das almas conspirará a favor deste encontro e desta permanência, pois somente assim, conseguirão atingir seus objetivos. O sucesso é concreto perante o reconhecimento e a transformação das duas almas em uma.
Não pense também, que tudo serão flores. Haverão desentendimentos, haverão possíveis brigas, haverá o desgaste, haverão “outros” tentando seu caminho, e por vezes uma separação, que será breve, pois uma vez unidas, não serão separadas nunca mais. Se separadas, enfraquecerão, seus sonhos não serão completos e concretos.

 

Poderás até procurar a felicidade com outro alguém, mas jamais, terá a força e o sucesso que duas almas em uma obtém. Ambos precisam ter maturidade e evolução espiritual para aceitar este encontro e poder desfrutar tudo o que já está escrito.

Uma vez que as Almas Gêmeas se aceitarem, da forma que se escolheram, antes do plano terrestre, não haverá limites para concretização dos sonhos.

Perceba, como, desde o encontro, a vida de ambos mudará por completo. Sua rotina, seus sonhos, a energia e força que ambos terão, e os acasos que levaram ao encontro, irá afirmar estas Almas.
Então, se você encontrou sua Alma Gêmea, sua outra parte, criada e escolhida por você, não perca tempo, pois nossas vidas neste plano tem hora e prazo determinados, você teve a sorte de ter o Encontro, não desperdice. Não negue, não recue. Trabalhe por este amor pleno. Trabalhe para transformação, assim como eu o fiz.

“O caminho é um só, pode estar na sua frente, permita-se enxergar”
Viva por completo.

Por Francisco Cândido Xavier